terça-feira, maio 18, 2021

CPI: Ernesto Araújo confirma uso de ministério para compra de cloroquina

Imagens: Reprodução

O ex-ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, admitiu que utilizou a pasta para compra da hidroxicloroquina. Ele foi o convidado da CPI da Covid, nesta terça-feira (18).

Segundo Ernesto, não houve discussão com outras autoridades sobre o uso do medicamento. “Em março, havia expectativa de que houvesse eficácia no uso da cloroquina para tratamento da Covid, não só no Brasil, mas no mundo”, disse. “O Ministério da Saúde foi quem nos pediu que procurasse viabilizar essa importação”, completou.

Ao ser questionado pelos parlamentares sobre a relação do Brasil com o China, o ex-chanceler negou atritos com o governo chinês e afirmou que não houve nenhuma alienação com o governo americano. “Não vejo nenhuma declaração que eu tenha feito como antichinesa. Não houve uma alienamento com os Estados unidos ou qualquer outro país”, declarou.

Para o Senador Jean, o ex-ministro tropeçou na verdade dos fatos. “Ele negou as declarações contra a China, que prejudicaram as relações com o Brasil. Lamentável, mentir parece fazer parte do DNA deste governo”, disse.

O parlamentar potiguar censurou os ataques a senadora Katia Abreu por parte do ex-ministro. “Ele não pode vir, mais uma vez, nessa casa e falar inverdades contra uma parlamentar”, criticou.

Pfizer: Ernesto Araújo ainda disse ter tomado conhecimento da carta enviada pela Pfizer ao governo brasileiro, em setembro de 2020.

Entretanto, segundo ele, não foi feito nenhum comunicado ao presidente, pois presumia que Bolsonaro já soubesse do documento. Ele também admitiu que o Itamaraty não atuou em nenhum momento na compra da Coronavac.

Venezuela: O ex-ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, confirmou que não fez nenhum contato com o governo da Venezuela para conseguir o envio de oxigênio.

O país vizinho enviou caminhões para o estado do Amazonas com 100 mil m³ de oxigênio. Ele afirmou ainda que, em nenhum momento, agradeceu o país pelo envio dos insumos.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário