quinta-feira, novembro 12, 2020

A coligação A União que povo quer divulga nota sobre pesquisa eleitoral da TCM em Assú.

Imagens: Reprodução

A equipe do blog Alex Silva Assú, recebeu uma nota da coligação A União que povo quer. A Coligação que é encabeçada pelo atual prefeito do Assú e candidato à reeleição pelo 'PL' Dr. Gustavo Soares. onde a mesma está sendo vinculada em grupos de WhatsApp em diversos sites. Confira a nota:

COLIGAÇÃO 'A UNIÃO QUE O POVO QUER' NOTA

A Coligação A UNIÃO QUE O POVO QUER vem a público anunciar a adoção de medidas judiciais para ter acesso aos dados, metodologia e entrevistas utilizados pela pesquisa do instituto TS2 publicada pela TCM na data de ontem em Assu com base nas seguintes evidências: 1. Conforme consta no sistema do TSE, o instituto TS2 alterou o registro da pesquisa para mudar o seu plano amostral e para alterar o número de entrevistas. 

Indagamos o porque dessa alteração. A população precisa saber o que foi alterado; 2. Há informações correntes de que, apesar da propalada exclusividade com o sistema TCM, o mesmo instituto teria realizado pesquisa em Assu, há poucos dias da publicada ontem, e que teria sido contratada por empresários do setor ceramista grupo do qual faz parte o candidato a vice-prefeito da chapa opositora. Primeiro, indagamos se essa informação é verdadeira. 

A população de Assu precisa saber se o TS2 foi realmente pago por ceramistas para realizar pesquisa em nossa cidade poucos dias antes da pesquisa oficial da TCM. É imperioso saber quem contratou, quem pagou, por que houve a quebra da exclusividade da TCM e qual foi o resultado da referida pesquisa. 

Estamos propondo medidas judiciais para que cheguemos à verdade dos fatos e para evitar que jogo de pesquisa seja utilizado na reta final da campanha para confundir o eleitor vez que TODAS as pesquisas registradas e publicadas por veículos estaduais apresentaram resultados bem diferentes da pesquisa em questão. 

Assú/RN, 11 de novembro de 2020.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário