quarta-feira, agosto 14, 2019

ASSÚ: Delegação acadêmica de Pernambuco conheceu história da Casa de Cultura

Imagens: Paulo Sérgio

Sequenciando sua agenda de acolhimento a todos que exponham interesse em conhecer aspectos e curiosidades relativas à estrutura centenária e do próprio município, a Casa de Cultura Popular Sobrado da Baronesa, um dos ambientes de difusão da arte e cultura do Assú, recebeu na última segunda-feira, dia 12 de agosto, a visita de uma representação formada pelo professor Caio Maciel e estudantes do curso de Geografia da Universidade Federal de Pernambuco – UFPE, em Recife. A recepção ao grupo foi feita pelo secretário municipal adjunto de Cultura, Paulo Sérgio Sá Leitão.
O auxiliar da Prefeitura disse que a inclusão da Casa de Cultura no roteiro acadêmico fez parte do trabalho de pesquisa e extensão dos alunos. Além de percorrerem todos os cômodos do prédio histórico, estudantes e docentes puderam dialogar com o secretário sobre a biografia da Baronesa de Serra Branca, Belisária Lins Wanderley, e seu esposo, o Barão Felipe Neri de Carvalho Silva. A agenda, que se prolongou por outros imóveis do centro histórico da cidade, ainda inseriu os trabalhos do artista plástico Denilson Gomes; o artesanato de palha das artesãs locais; e, o trabalho da restauradora de arte sacra, Iveli Gondim.


Nenhum comentário:

Postar um comentário