segunda-feira, agosto 17, 2020

SERVIDOR PÚBLICO DESTACA AS NOVAS TENDÊNCIAS DE ATENDIMENTO AO CLIENTE NO RIO GRANDE DO NORTE.

Imagens: Reprodução
Os segmentos de bares e restaurantes passam por um momento delicado e de recuperação mediante a retomada gradual, devido a pandemia do COVID-19, atendendo aos decretos municipais os estabelecimentos vivem um grande desafio para garantir a qualidade de atendimento e funcionamento.

A gastronomia do nosso Rio Grande do Norte é admirada e reconhecida através de magníficos pratos típicos, riqueza de sabores e potencialmente pelo padrão de atendimento. Tratando-se de qualidade de atendimento, afirma o funcionário público Breno Minora: “O calor humano potiguar de atendimento aliado com a alta gastronomia tornam os setores de bares e restaurantes um dos setores mais importantes para a nossa economia regional”.

A Associação dos Bares e Restaurantes (ABRASEL) e o SEBRAE estimulam o empreendedor e orientam através de diversas campanhas de conscientização, disponibilizando conteúdos orientativos para donos de pequenos negócios dos segmentos, atendendo assim todos os procedimentos de biossegurança durante o período de pandemia. 

De acordo com pesquisa recente feita pelo Sebrae, em todo os estados e DF, ouvindo mais de 1.500 empreendedores do ramo de alimentação fora do lar, com o avanço da Covid-19, 54% dos estabelecimentos tiveram perdas acima de 75% no faturamento, com destaque para serviços de bufê, que foram mais impactados. Na opinião do presidente do Sebrae, Carlos Melles, a retomada deve ser feita com acompanhamento para garantir segurança e equilíbrio no caixa. “Estamos diante de um novo momento de consumo, e o empreendedor precisa se reinventar para atrair clientes para dentro de seus negócios. É fundamental implementar as ações de prevenção ao corona vírus e comunicar com transparência as adaptações providenciadas.”, explica Melles.

O servidor público Breno Minora destaca de maneira positiva as novas tendências de padrão de atendimento ao cliente e qualidade dos estabelecimentos em nosso Estado, tais como: Recepção dos clientes com orientações de comportamento, compras e higienização, cardápios virtuais, aplicativos de filas de espera e pagamentos digitais otimizando todo o processo de pedidos, garantia das condições higiênico-sanitárias dos estabelecimentos.

Portanto, a retomada gradual dos bares e restaurantes estimulam a economia regional gerando emprego e renda, além de conceder boas práticas de atendimento personalizado ao cliente, orientações de compras e comportamento nos deixa um legado de atenção especial aos procedimentos de sanitários que são fundamentais para a garantia de um serviço de qualidade para os clientes. 

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.



Nenhum comentário:

Postar um comentário