quinta-feira, dezembro 10, 2020

Ordenha: Operação do MPRN investiga esquema de fraudes na Prefeitura de Jardim de Piranhas

Imagens: Reprodução

O Ministério Público do RN (MPRN) deflagrou nesta quinta-feira (10) a operação Ordenha, que tem por objetivo apurar um esquema de fraudes na Prefeitura de Jardim de Piranhas, região do Seridó.

A suspeita é que cerca de R$ 3 milhões tenham sido desviados dos cofres públicos entre os anos de 2017 e 2019. O atual secretário municipal de Saúde, um vereador e uma assistente social contratada pela Prefeitura foram presos preventivamente.

A operação Ordenha, deflagrada com o apoio da Polícia Militar do RN (PM/RN), cumpriu três mandados de prisão e outros 17, de busca e apreensão, nas cidades de Jardim de Piranhas, Natal e Caicó.

A investigação apura os crimes de peculato, corrupção passiva e associação criminosa, além do delito de falsidade ideológica, registra a informação, cuja íntegra está disponível na página eletrônica, disponível por intermédio deste LINK.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.


Nenhum comentário:

Postar um comentário