quinta-feira, dezembro 09, 2021

Natal: Fiscais da Semurb e Urbana flagram deposição irregular de resíduos sólidos na zona Sul

Imagem: Reprodução

A deposição irregular de lixo e resíduos da construção civil (RCC) em áreas públicas tem sido um problema corriqueiro na capital potiguar, causando diversos impactos ambientais e custos de limpeza pública ao Município. Nessa  terça (7) e quarta-feira (8) fiscais ambientais da secretaria de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) e agentes de limpeza da Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana) flagraram mais casos de descarte irregular em áreas públicas em Ponta Negra e Nova Descoberta, na zona Sul de Natal.

"Natal possui cerca de 600 pontos irregulares de lixo, o que tem gerado um custo muito elevado para a companhia de limpeza urbana da capital em manter a cidade limpa", explica o supervisor de fiscalização ambiental da Semurb, Gustavo Szilagyi. Os impactos da disposição de resíduos sólidos em locais inadequados causam poluição atmosférica, poluição da água e do solo, além de poluição visual. E a depender da natureza dos resíduos, podem causar doenças para população.

"As deposições irregulares ocorrem normalmente no final da tarde, noite ou nas primeiras horas da manhã. E são praticados, em sua maioria, por carroceiros e caçambeiros. Os casos flagrados na última terça e quarta ocorreram nos bairro de Nova Descoberta e Ponta Negra, e envolveram áreas verdes públicas", conta Szilagyi.

Ainda segundo o supervisor, o combate ao descarte irregular de resíduos sólidos não pode se restringir a atuação do poder público. “É preciso que a comunidade se insira no senso de responsabilidade e pratique a cidadania. A Urbana presta um importante serviço de coleta e destino adequado de resíduos sólidos na porta das casas através do disk coleta especial. E empresas privadas também prestam estes serviço. É injustificável você sair de sua casa para dar o destino inadequado aos resíduos sólidos”, ressalta.

Quem é flagrado descartando resíduos sólidos de forma irregular em Natal, é multado em R$ 2.149,00, e pode ter o veículo usado no cometimento da infração apreendido pela Semurb.

Qualquer pessoa que presenciar situação similar pode denunciar na Ouvidoria da Semurb pelo telefone (84) 3616-9829, de segunda a sexta, das 8h às 16h. Ou ainda, pelo Alô Limpeza no telefone 3232-9999 para denúncias, reclamações e pedidos de coleta especial na Urbana. Lembrando que as denúncias podem ser feitas de forma anônima.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário