sexta-feira, junho 28, 2019

MPRN ENQUADRA VEREADOR ÍTALO MENDONÇA EM TRÊS CRIMES E PENA PODE CHEGAR A VINTE E OITO ANOS DE PRISÃO


O Ministério Público do Rio Grabde do Norte - MPRN enquadrou o vereador Ítalo Mendonça nos crimes de Peculato, Inserção de Dados Falsos e Furto, quando ficou constatado que o edil, quando de sua candidatura ao legislativo macauense, em 2016, embora licenciado para cumprir as exigências eleitorais, fazia suas mutretas e praticava crimes contra o patrimônio municipal.
Na peça juridica, o MPRN explicita os crimes praticados pelo vereador Ítalo Mendonça citando as penalidades às quais o edil estará enquadrado: PECULATO (de 2 a 12 anos de prisão + multa); INSERÇÃO DE DADOS FALSOS (2 a 12 anos de prisão + multa); e FURTO (de 1 a 4 anos de prisão + multa). Assim, a condenação do vereador Ítalo Mendonça poderá chegar a 28 anos de prisão, podendo perder o mandato, ficar inelegível, ser exonerado de suas funções de servidor municipal e ter o seu registro de Contador cancelado pelo Conselho Regional.


Nenhum comentário:

Postar um comentário