sexta-feira, junho 18, 2021

Major da PMRN que já prendeu membros de quadrilhas e facções topa ir atrás de Lázaro: “Se for acionado, irei”

Imagens: reprodução

O major Inácio Brilhante Filho, da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, afirmou nesta sexta-feira (18) ao Portal da 98 FM que, se fosse chamado, toparia integrar as forças de segurança pública que estão à procura de Lázaro Barbosa, apontado como autor de homicídios em série nas imediações de Brasília. Cerca de 400 policiais, incluindo agentes federais, estão na caça ao “serial killer” há dez dias, sem sucesso.

Com experiência em operações especiais contra quadrilhas e organizações criminosas, Major Brilhante, como é mais conhecido, está na Polícia Militar há mais de 20 anos, com atuação especialmente na região Oeste do Estado. No currículo, o major tem a prisão de inúmeros criminosos suspeitos de integrar quadrilhas com atuação em vários estados.

Natural de Caraúbas, o policial potiguar foi promovido a major em 2017, por merecimento. Por seu desempenho, normalmente ele é chamado para integrar operações especiais em outras localidades.

Na avaliação de Major Brilhante, o caso de Lázaro é incomum. “Claro que cada caso é um caso, mas, pela tecnologia que usamos hoje, pelas informações que temos, com policiais preparados, (a polícia) já era para ter pegado”, afirmou, em entrevista ao PORTAL DA 98 FM.

Ele diz que, se for chamado, vai à procura do criminoso. “Não só eu, mas todos os policiais do Rio Grande do Norte, se forem convidados a participar dessa operação, irão”, finalizou.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário