quinta-feira, julho 01, 2021

Jucurutu: Promotoria de Justiça prossegue apuração sobre possível poluição no rio Piranhas-Açu

Imagem reprodução

Agora sob a característica de Inquérito Civil, vai ter continuidade, na representação do Ministério Público do RN (MPRN), na comarca de Jucurutu, região do Seridó, a investigação sobre possível poluição do Rio Piranhas-Açu, no âmbito do citado município, ocasionada pelo funcionamento do posto de lavagem de carros denominado Lava Jato do Bruno.

A averiguação foi iniciada na forma do Procedimento Preparatório nº 03.23.2304.0000078/2020-58 e a conversão se observou através da Portaria nº 1518474, do dia 11 de maio passado, assinada pela promotora de Justiça Beatriz Azevedo de Oliveira, publicada na edição desta quinta-feira (1º) do Diário Oficial do Estado.

Por meio de ofício, a fiscal da lei requisitou à Prefeitura de Jucurutu, no prazo de 15 dias, que se manifeste acerca dos fatos em apuração, esclarecendo se o estabelecimento investigado possui alvará de funcionamento, bem como que providencie vistoria por fiscal ambiental, a fim de verificar se ocorre poluição decorrente da drenagem das águas servidas utilizadas pelo empreendimento, remetendo à Promotoria o respectivo relatório.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário