quarta-feira, setembro 22, 2021

Regularização Fundiária - Uma grande conquista de mais dignidade para a população angicana

Imagens: Reprodução

Na semana passada, o Prefeito Miguel Pinheiro Neto, esteve em Natal cumprindo agenda administrativa e visitou a Sede da Companhia Estadual de Habitação e Desenvolvimento Urbano – CEHAB/RN, em busca de melhoria Habitacional para a população angicana. Na manhã desta quarta-feira (22/09/2021) o Prefeito recebeu em seu Gabienete a Secretária Municipal de Assistência Social Tereza Amália, o vereador Tiago Braga, o representante da CEHAB/RN, Gildo Bezerra.

O motivo da reunião foi à articulação para a entrega de documentações de regularização fundiária de beneficiários do Bairro Alto da Alegria e dos conjuntos habitacionais Vila Rosa e Pedro Moura, e o registro em cartório da documentação de lotes de mais dois bairros (Wilma de Faria e o Dom Tavares). A regularização fundiária é um problema histórico, enfrentado por governantes de muitos municípios brasileiros, mas em Angicos o Prefeito Municipal Miguel Pinheiro, deu um passo decisivo para resolver essa questão nos bairros periféricos da cidade.

Anteriormente, o Prefeito de Angicos em reunião com o Diretor Presidente da CEHAB, Pablo Thiago Cruz, declarou apoio ao projeto, acolheu os servidores da CEHAB e representantes da FUNCERN, agilizou a coleta de dados e isso garantiu a regularização fundiária para mais de 230 angicanos. 

Gildo, representante da CEHAB, parabenizou o prefeito Miguel Pinheiro, “Cada regularização fundiária custa, atualmente, em média R$ 5.000,00 por lote. Ou seja, os cidadãos dos bairros periféricos de Angicos foram beneficiados de forma substancial, parabéns Prefeito pelo interesse em resolver esse problema histórico”. 

O Prefeito Miguel Pinheiro destacou com emoção e alegria os números alcançados, “Já estamos com a documentação de 96 propriedades regularizadas para serem entregues do bairro Alto da Alegria e nos conjuntos Vila Rosa e Pedro Moura, e aguardando o registro cartorial de 72 do bairro Wilma de Farias e 64 do bairro Dom Tavares, nosso objetivo é garantir para as famílias angicanas o direito real sobre os lotes, oferecendo uma segurança jurídica e reduzindo os conflitos fundiários”.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário