quinta-feira, agosto 04, 2022

Jorge visita empresa modelo de geração de emprego no setor têxtil

Empresa gera 24 empregos diretos, mas reclama das dificuldades e falta de incentivos

Imagem: reprodução

Uma pequena empresa que produz confecções e emprega 24 pessoas. Funciona no centro de Mossoró e é conhecida como "Projeto pró-sertão". Na manhã desta quinta-feira (04), o pré-candidato a deputado Estadual Jorge do Rosário (Avante) visitou essa empresa.

Jorge tem feito várias visitas à empresas e projetos voltados à geração de emprego e renda. O objetivo é conhecer iniciativas que ajudem na construção de um plano de desenvolvimento do interior do Rio Grande do Norte.

O programa Pró-sertão é coordenado por Maria Lucileide de Carvalho, que conversou com Jorge sobre a experiência. Na opinião dela, iniciativas como o Pró-sertão podem ser ampliadas e multiplicadas, porém há o problema da falta de incentivos.

“Aqui pagamos o aluguel, água, luz, salários. Mantemos os direitos trabalhistas e impostos sempre em dia, mas não é fácil, não temos nenhum incentivo", explica Maria Lucileide.

Jorge do Rosário vê no projeto Pró-sertão um exemplo de como a interiorização do desenvolvimento é possível, e dos obstáculos impostos aos que querem empreender.

"Uma empresa que gera emprego e bota comida na mesa de 24 famílias, mas que sofre pela falta de incentivos. Vamos lutar para que milhares de empresas como a Pró-sertão se espalhem pelo interior do Rio Grande do Norte", disse Jorge do Rosário.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário