segunda-feira, abril 20, 2020

Assú: Servidores públicos que atuam em serviços insalubres são resguardados por EPIs

Imagens: Samuel Fonseca
Tarefas em locais insalutíferos onde naturalmente se faz absolutamente imprescindível a utilização dos materiais de prevenção a risco de contágio de doenças diversas, têm o uso de Equipamentos de Proteção Individual – EPIs, por parte dos servidores públicos municipais do Assú – efetivos, comissionados, contratados e prestadores de serviço – que desempenham atribuições nestes ambientes, criteriosamente obedecido. Um exemplo disto é observado na Secretaria Municipal de Serviços Públicos. O secretário municipal de Governo, Clebson Corsino, registra que este cuidado e atenção tem todo o aval do prefeito Gustavo Soares.

Os responsáveis pelos sepultamentos que exercem a função nos dois principais cemitérios públicos da área urbana do município, São João Batista e São Vicente de Paula, seguem à risca a recomendação sanitária. Os servidores que cuidam da limpeza pública, higienização de banheiros, motoristas, almoxarifes, coveiros, dentre outros, são continuamente orientados a executarem suas responsabilidades funcionais devidamente paramentados com os EPIs, acessórios importantes para proteger os profissionais individualmente, reduzindo substancialmente qualquer tipo de ameaça ou risco para o trabalhador.

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário