sábado, fevereiro 26, 2022

Soldado é considerado 'herói' na Ucrânia após morrer em explosão de ponte e evitar avanço de russos

Imagem: reprodução

Um soldado ucraniano foi exaltado como "herói" pelas autoridades do país após morrer na explosão de uma ponte para evitar o avanço de tropas russas. Identificado como Vitaliy Skakun Volodymyrovich, o marinheiro executou a operação na ponte de Henichesk, umas das principais vias de acesso entre Crimeia e Ucrânia.

Conforme o Estado Maior das Forças Armadas da Ucrânia, o militar não teve tempo de sair da via antes de acionar os explosivos que a destruíram.

"Nosso irmão foi morto. O seu ato heroico abrandou significativamente o avanço do inimigo, permitindo que a unidade se realocasse e organizasse a defesa", informou o governo em comunicado divulgado na sexta-feira.

O combatente será condecorado com um título póstumo. A secretária de Estado ucraniana Emine Dzheppar descreveu a operação com um "ato heróico", que ficará na "memória eterna".

📌Lembre-se: higienize as mãos sempre que necessário com água e sabão ou álcool em gel.

Um comentário:

  1. A vida é mais importante, possessão de poder nãodomingo, 27 fevereiro, 2022

    O que adianta ser um herói morto, se não pode comemorar com a família sua vitória, um mérito de tristeza, os governantes so se preocupa com a história,e não com a vida que é o mais importante, a vida se constroem, a morte não, eles so estão preocupados em ter poderes, e não com o seu próximo, muito triste isso, pois estamos falando de vidas que estão sendo tiradas por vaidade, (sou eu quem mando e pronto) se fossem eles que fosse pra linha de frente, as guerras não existiam!

    ResponderExcluir