Drogaria Santa Clara

Drogaria Santa Clara

quinta-feira, dezembro 14, 2017

ENGIE inicia operação em teste na Usina Solar Assú V

FOTO: Assessoria de Imprensa

A construção da Usina Solar Assú V, pela ENGIE Brasil Energia, avança em sua fase final de implantação. Na madrugada desta quarta-feira (13) foram iniciados os testes de transmissão de energia da usina, com a energização da linha de transmissão, cuja tensão é de 138 kV, que conecta as subestações da Assú V até Açu II da CHESF, completando a conexão ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

Com a liberação do Operador Nacional do Sistema (ONS), o circuito iniciou a operação experimentalmente a partir de 1h10da madrugada, período em que foram realizados com êxito os primeiros testes do dia, comprovando o pleno funcionamento de todos os equipamentos. Ao longo da quarta-feira os trabalhos continuaram para completar a operação em teste nas 30 unidades geradoras da usina, quando também foram colocadas à prova todas as suas funções.

A energização da linha e também dos transformadores é um importante passo para que a energia gerada pelas placas solares seja colocada em sincronismo com o SIN, pois garante que está importante parte do sistema esteja funcionando corretamente.

“Hoje [quarta-feita] a gente termina uma fase bem importante da nossa obra. Com essa energização da usina nós já conseguimos nos conectar ao Sistema Interligado Nacional (SIN). O período de teste demora normalmente uma semana, e se todos os nossos equipamentos estiverem se comunicando bem com nosso Centro de Operação, que é lá em Florianópolis (SC), e o ONS, em Recife (PE), devemos receber a autorização da própria ONS e despacho da ANEEL no máximo em dez dias para entrar em operação comercial ainda este ano”, explica o engenheiro responsável pela técnica e comissionamento da Assú V, Maurício Trevisan.

Localizada à margem da rodovia BR-304, km 99, a Usina Solar Assú V é fruto do Leilão de Reserva realizado em novembro de 2015, junto à ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), sendo a primeira de cinco centrais de geração de energia solar da ENGIE previstas para região, formando o Complexo Fotovoltaico Assú.

“Este projeto é extremamente importante como marco inicial para ENGIE na geração comercial de energia solar fotovoltaica, tanto pelo prazo que a gente teve para atingir a meta de transmissão como por ser a nossa primeira usina solar de grande porte. A Assú V é uma usina de larga escala e representa o primeiro grande projeto de energia solar da ENGIE no Brasil. Portanto, essa obra é de grande importância para nós, tanto para equipe de implantação, de operação e para empresa como um todo”, afirma o gerente de Obras da ENGIE em Assú, Rafael Caldeira.  


O investimento é cerca de R$ 220 milhões e a capacidade instalada é de 30MW. As obras tiveram início em 31 de março de 2017, representando cerca de nove meses de implantação do projeto. E para conectá-la ao SIN, foram construídos 14 quilômetros de linha de transmissão até a subestação Açu II, de propriedade da Chesf, situada na RN-016, entrada de Assú. Toda energia gerada pela Assú V será conectada à reserva energética do Brasil através do Sistema Interligado Nacional. 



Matheus Burger

Venha e comprove: Lanchonete e Pizzaria Matheus Lanche, os melhores sanduíches e as melhores pizzas do Vale do Assú.
Pizzaria e Sanduícheria? Compartilhe sua experiência com sua família e amigos traga eles para um Bom lugar para lancha, Local excelente para um lazer com a família e amigos, boas pizzas, bom atendimento e lanches excelentes venha e comprove!
“Nosso objetivo é ser o melhor custo-benefício do Assú”
Fone: 99666-8468

Lit cell

Nenhum comentário:

Postar um comentário